Colunistas Geni Albuquerque Jardinagem

Caminhos…

Escrito por Geni Alburquerque

Imagino o quanto poderíamos ser mais felizes se pudéssemos percorrer distâncias em meio às cores, flores, ao frescor de sombras e aspirando doces aromas.

 Implantação paisagística em calçada por Geni Albuquerque

Implantação paisagística em calçada por Geni Albuquerque

Contudo, as calçadas, quando existentes, estão se tornando cada vez mais estreitas, impermeáveis e áridas para que possam ter espaço para pedestres, ciclistas, rede de telefonia, cadeirantes, rede elétrica, cães, lixeiras, caixas de inspeção, postes de sinalização, carrinhos de bebê…

Chorisia speciosa plantada antes da pavimentação de rua residencial na Granja Viana

Chorisia speciosa plantada antes da pavimentação de rua residencial na Granja Viana

Afortunados deveriam ser aqueles que possuem uma grande faixa de caminho pavimentado que dão acesso às suas residências, entretanto, não sabem o que plantar, pois temem e com toda a razão, as implacáveis e mutiladoras podas das concessionárias de energia e de telefonia, as raízes demolidoras, o trabalho de varrer e recolher folhas e flores e ainda o receio de escorregar nos frutos que caíram com generosidade.

Calçada do SESI

Calçada do SESI

Não existe lei que obrigue que árvores sejam plantadas exatamente embaixo da rede elétrica, muito menos que se plante apenas árvores e ainda, todas da mesma espécie e desafortunadamente, exóticas.
Quando o bom senso é capaz de prevalecer, passeios públicos podem se transformar em acessos charmosos que acabam por valorizar imóveis e bairros inteiros.

Nossa flora apresenta inúmeras possibilidades e por aqui vou citar alguns exemplos, que podem ser aplicados, de acordo com o espaço disponível.

 

Fotos dos frutos da Rapanea ferrugínea

Frutos da Rapanea ferrugínea

Uma árvore, vários benefícios, é o que a Rapanea ferruginea oferece, começando por seu porte médio, crescimento rápido, sistema radicular comportado, copa rala, galhos resistentes ao vento forte, flores pequeninas, porém melíferas e perfumadas, folhas brilhantes que não caem e principalmente, frutos pequenos que dificilmente serão encontrados no solo de tão apreciados por diversas espécies de pássaros.

 

Se você quiser as mesmas características desta vez com sombra, escolha a Caesaria sylvestres ou se quiser inovar em termos de frutíferas, dê preferência para a Eugenia brasiliensis, também conhecida como Grumixama.

Flores da Casearia sylvestres

Flores da Casearia sylvestres

Flores da Eugenia brasiliensis

Flores da Eugenia brasiliensis

Se a calçada for estreita você pode plantar palmeiras como a Euterpe edulis e as muito ornamentais, Syagrus botryophora além da Syagrus Oleracea.

Nossos esquilos, saguis, assim como a diversidade em periquitos e papagaios que temos por aqui vão adorar.

Um arbusto que é quase uma arvoreta e que possui as mesmas características descritas acima, com o diferencial de que suas flores alaranjadas são muito procuradas por Beija-flores, é reservado à Hamelia patens, entretanto, plantando o Acnistus arborescens, famoso como Fruto-de-Sabiá, obterá os mesmos benefícios.

Flores da Hamelia Patens

Flores da Hamelia Patens

Frutos da Hamelia patens

Frutos da Hamelia patens

 

Flores da Acnistus arborescens

Flores da Acnistus arborescens

Frutos da Acnistus arborescens

Frutos da Acnistus arborescens

Arbustos verticais são os mais versáteis e considerados pelos Beija-flores, como globalizados, porém, se desenvolvem melhor próximos aos limites das edificações oferecendo privacidade.

 Justicia aurea, Odontonema Tubaeforme e Aphelandra sinclairiana

Justicia aurea, Odontonema Tubaeforme e Aphelandra sinclairiana

Flores da Ruellia elegans, Ruellia squarrosa, Salvia guaranítica, Salvia spendens e Pentas lanceolata.

Flores da Ruellia elegans, Ruellia squarrosa, Salvia guaranítica, Salvia spendens e Pentas lanceolata.

 

 Diferentes herbáceas com flores, cores, Beija-flores e Borboletas garantem satisfação aos olhos de todos que atravessam seu caminho, substituindo a grama amarelada que serve de banheiro público para cães e gatos.

Mas também existe uma grande possibilidade de você não ter calçada, mesmo assim você pode plantar em um vaso próximo a cerca de alambrado ou mesmo junto ao muro, a Pyrostegia venusta, a Cuspidaria floribunda e ainda a Ipomoea indica.

 

Ipomoea indica

Ipomoea indica

Pereskia aculeata

Pereskia aculeata

E se a intenção for também a de reforçar a segurança, tanto a Pereskia aculeata como a Pereskia bleo e a Pereskia grandiflora, cumprem muito bem o seu papel além de serem comestíveis.

Ao tomar a iniciativa de colorir seus caminhos, você estimula outros a fazerem o mesmo e todos ganham em qualidade de vida, todavia estamos em temporada de presentes e solidariedade.

Imagine-se plantando qualquer uma delas e presenteando seus vizinhos com uma das mudas descritas acima.

Em pouco tempo, todos poderão usufruir de uma rua bonita, florida, colorida, perfumada, alegre, comestível, despertando a cidadania ao redor.

Por ter sido presenteada pela visita desta turma que aparece no vídeo, também posso presentear alguns leitores desta coluna.

Da visita, muitas sementes de Handroanthus chrysotrichus, também conhecido como Ipê-amarelo-cascudo, germinaram em meu jardim.

São 15 mudas que podem ser plantadas em diferentes calçadas e retiradas na Taúna/ Granja Viana.
Estrada Fernando Nobre, 150 Tel: 4777-9778

Boas e coloridas festas!

Sobre o autor

Geni Alburquerque

Autodidata multidisciplinar. Sócia-proprietária da Taúna e consultora em paisagismo ambiental e jardinagem.

Blog: qualidadedevidaejardim.blogspot.com.br

Facebook:
• https://www.facebook.com/qualidadedevidaejardim
• https://www.facebook.com/Paisagismo-e-jardinagem-por-Geni-Albuquerque-393059724187938

Deixe um comentário