Cultura e lazer Território

Cotia realiza a 1ª Caminhada pela Cultura de Paz, no próximo domingo

Escrito por Redação
A abertura do evento está marcada para às 9h30, na Praça da Matriz. Programação conta com apresentações de música e dança, rodas de capoeira e samba, entre outros

Está marcada para domingo (26/08) a 1ª Caminhada pela Cultura de Paz, realizada pela Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer de Cotia em parceria com uma comissão de representantes de diferentes matrizes religiosas da cidade. O objetivo do evento é disseminar a paz, o respeito, o diálogo inter-religioso, trazendo, por meio da cultura, o respeito pelo outro, mostrando que a intolerância tem gerado sofrimento diário pelo mundo.

A abertura será às 9h30, na Praça da Matriz, com saída prevista para às 10h. O percurso contará com música, poesia e danças. O ponto de chegada será na Praça Joaquim Nunes e os participantes serão recepcionados por uma festa cultural com barracas de comidas, exposições de artesanatos, microfone aberto, apresentações de danças, roda de capoeira, roda de samba, entre outras atrações.

“A proposta é abrir um caminho para que haja a promoção do respeito às culturas. O envolvimento de religiões diversas num único evento é uma forma de combater preconceitos com expressão, combater a segregação, combater o preconceito de uma forma geral”, avalia Gilmar de Almeida, secretário adjunto da pasta, responsável pelo departamento de Cultura. Ainda segundo ele, o objetivo é que este seja um movimento que se perpetue em Cotia.

Serviço

1ª Caminhada pela Cultura de Paz

Data: 26 de agosto

Horário: das 9h30 às 15h

Saída da caminhada às 10h da Praça da Matriz (Av. Senador Feijó, 12) – ponto de chegada na Praça Joaquim Nunes (Av. N. Sra. de Fátima – Vila Monte Serrat) onde haverá uma festa cultural.

Foto: Vagner Santos   

Sobre o autor

Redação

O Jornal d'aqui digital é uma prestadora de serviços que atua com comunicação na região da Granja Viana, Cotia (SP). Nasceu originalmente em 1979 como mídia impressa e assim atuou durante 35 anos. O formato atual surgiu a partir de um movimento de amigos/leitores inconformados com o encerramento de suas publicações.

Deixe um comentário