Redação Território

Eleições 2016 – Propostas Rogério Franco, PSD, 55

Escrito por Redação

O Jornal d’aqui enviou as mesmas questões, de alguns dos problemas mais críticos de Cotia, para todos os candidatos a prefeito da cidade. O espaço para resposta é padrão: mil caracteres para todos. As propostas serão publicadas na ordem de chegada à nossa redação.

Como cidadão, você pode colaborar muito divulgando as pretensões de todos os candidatos em suas redes. A informação é uma das armas mais potentes para eleger bons candidatos nessas eleições. Leia e compartilhe!  O terceiro candidato a responder foi Rogério Franco, do PSD, 55.

_rul4998Jornal d’aqui – Cotia sofreu um crescimento demográfico desordenado nos últimos anos sem a infraestrutura necessária. Entre os vários problemas decorrentes desse crescimento, está a mobilidade. O centro, assim como os bairros, tem vias bastante estreitas, poucos espaços para estacionamento e transporte público, sem falar em acessibilidade para pessoas com deficiência. Qual sua proposta para tornar a cidade mais acessível e inclusiva nesse aspecto?

Rogério Franco – Mobilidade urbana é essencial para garantir a qualidade de vida dos moradores, por isso, vamos investir em obras e adequações nas calçadas, ruas e avenidas de toda cidade. Solucionar o trânsito da Raposo Tavares é uma das nossas prioridades. Vamos nos unir às cidades vizinhas e criar um consórcio para que o Estado invista efetivamente em intervenções na rodovia. Lutaremos pela ampliação do viaduto do Km 23 e pela construção do viaduto do Km 26,5. Também atuaremos em questões pontuais, como o cruzamento da São Camilo com a José Felix, a Estrada de Caucaia do Alto, entre outros pontos.

Há anos que Cotia não tem nenhum grande projeto para revolucionar o sistema viário. Vamos investir em PPPs e parcerias para fazer grandes obras e destinaremos recursos para interligar os bairros, recuperar as vias e abrir novos acessos. A questão das calçadas tem papel de destaque no nosso Plano de Governo. Com o projeto Calçada Legal, vamos adequar os passeios e garantir acessibilidade total.

Reestruturaremos o transporte de passageiros, com novas linhas e itinerários, e vamos integrar as linhas de ônibus e o sistema de transporte alternativo para cobrir os bairros com eficiência, diminuindo a espera no período noturno e aos finais de semana.

_rul5505Jd – Para a área de saúde, qual seu diagnóstico dos principais problemas e quais suas propostas de melhoria?

RF – Sistema de saúde de Cotia enfrenta problemas graves e crônicos. Para resolver essa questão, temos um amplo projeto para o setor. Uma das primeiras medidas será reequipar o Programa Saúde da Família (PSF) e estabelecer um novo modelo de assistência médica.

O horário de atendimento nos postos será ampliado para até às 22 horas, com clínico de plantão, para que os moradores tenham atendimento médico nos bairros, perto de casa, após chegarem do trabalho. Daremos atenção especial às crianças, às mulheres, aos idosos e às pessoas com deficiências. O Programa Mãe Cotiana, por exemplo, vai atender a gestante e acompanhar o desenvolvimento da criança até um ano de idade. Teremos, também, o Centro de Saúde da Criança, o Remédio Em Casa – com entrega domiciliar às pessoas que necessitam de medicamentos de uso contínuo, o Centro Municipal de Diagnósticos para zerar a fila de exames e vamos fazer parceria com o Governo Estadual para implantar o Ambulatório Médico de Especialidades (AME), agilizando a marcação de consultas.

São muitos projetos. Em Caucaia, construiremos um novo PA, bem mais amplo e equipado, e vamos lutar para implantar a UTI infantil no Hospital de Cotia.

_rul7603Jd – A falta de creches é um dos maiores problemas da cidade, com imenso déficit de vagas. Como pretende suprir essa demanda caso seja eleito?

RF – Este foi um dos temas mais estudados por nossa equipe que formatou o plano de governo. Não há mágica. Para atender a demanda por vagas de creches, a curto prazo, vamos fazer convênios com creches particulares nos bairros. Simultaneamente, construiremos novas creches durante os quatro anos de mandato, atendendo os locais com maior demanda em primeiro lugar. Já temos, inclusive, estudos e projetos para que possamos conseguir verbas do Governo Federal.

Um dos projetos de destaque na educação infantil é a implantação da Creche Noturna, que servirá de apoio para as mães que trabalham até mais tarde ou em comércios que funcionam até 22 horas. A educação terá um novo rumo em nosso governo.

Jd – Cotia possui oito escolas que são referência como inovação pedagógica. No entanto, na rede pública os problemas de evasão escolar, déficit de profissionais da educação adequado, falta de infraestrutura, sanitários adequados, merendas, é gritante.  Como sair desse caos?

RF – Para melhorar a educação de Cotia, nossa proposta é reformular o sistema de ensino em todas as suas dimensões, aumentar os índices de avaliação, proporcionar uma aprendizagem de qualidade e valorizar os profissionais.  Temos quatro metas principais que vão direcionar nossas ações. Iremos aprimorar o Ensino Fundamental, tendo como foco a alfabetização até os 8 anos de idade; vamos trabalhar para alcançar uma taxa de alfabetização na Educação de Jovens e Adultos próxima a 100%; investiremos continuamente na educação inclusiva; e criaremos um programa permanente de capacitação e valorização dos profissionais da educação.

Além disso, vamos equipar as escolas municipais com sistema digital de ensino, laboratórios de informática, quadras cobertas e bibliotecas, incentivando o aluno a participar das atividades escolares. Criaremos um programa de manutenção permanente, investiremos em merenda de qualidade, transporte, uniforme, material e segurança para todos. A construção de novas escolas e creches, com redução do número de alunos por sala de aula, também integra nossos projetos para promover a melhoria da aprendizagem e do nível de ensino da rede municipal.

Jd – A explosão do mercado imobiliário criou um processo de desmatamento sem muita fiscalização em toda a cidade. Como equilibrar crescimento e proteção ao meio ambiente? Quais suas propostas para uma cidade mais sustentável?

RF – Cotia é reconhecida por sua elevada qualidade de vida. Para preservar este conceito, vamos incentivar as construções sustentáveis, que privilegiam o uso de materiais ecológicos, o telhado verde, a preservação de espécies nativas e o descarte correto de resíduos. Essa proposta será válida para residências, condomínios e obras públicas.

A cidade deve ser pensada com técnica e novas ideias, por isso, vamos aproximar o governo de especialistas para encontrar novos caminhos que resolvam os desafios de mobilidade urbana e ocupação do espaço público. Arquitetos, urbanistas, engenheiros, gestores ambientais e outros profissionais serão convidados a participar da nossa administração, colocando sua experiência a serviço do desenvolvimento de Cotia.

Quanto ao crescimento urbano, posso garantir que todos os projetos de empreendimentos de médio e alto impacto serão analisados por um grupo de aprovação composto por representantes da sociedade e técnicos da Habitação, Meio Ambiente, Obras, Trânsito e Indústria e Comércio, para que a cidade se desenvolva de forma ordenada e sustentável.

 

Sobre o autor

Redação

O Jornal d'aqui digital é uma prestadora de serviços que atua com comunicação na região da Granja Viana, Cotia (SP). Nasceu originalmente em 1979 como mídia impressa e assim atuou durante 35 anos. O formato atual surgiu a partir de um movimento de amigos/leitores inconformados com o encerramento de suas publicações.

Deixe um comentário