Colunistas Economia atual Wilians Soares Silva

Fim das Férias, Saldo Credor ou Dívidas a Perder de Vista?

Amigo leitor, eis que o sonhado mês de férias chegou, passou, terminou e agora? O que fazer com as dívidas e com o pós alegria? Calma, havendo planejamento e controle, nada se repetirá no próximo ano, vamos abaixo para algumas dicas:

1. Verifique seu rendimento em agosto? Pois, na maioria, o salário foi antecipado nas férias;
2. Faça um balanço das entradas e saídas do mês;
3. Se o saldo for negativo, vamos ao plano de ação.

Inicialmente, corte todas despesas não essenciais, priorize os pagamentos, havendo pagamentos impossíveis, negocie ou procure algo atrativo no mercado com juros menor daquele que será cobrado em caso de inadimplência e por fim, se houver oportunidade, faça uma renda extra.

O Período de férias é planejado sempre com muita antecedência, mal saímos de uma viagem e já definimos o destino da próxima, mas… e o custo e extra custo, foi planejado?

Pois bem, a dica é simples e não impossível de cumprir, defina seu destino com ao menos 06 (seis) meses de antecedência e já feche todos os pacotes, ou melhor, pesquise…pois, “pacotes” em sua maioria, são mais caros que a compra individual de cada serviço, exemplo os sites de viagem, lembre-se, a promoção já está com a taxa de serviço cobrada e o fechamento direto com o local, além de mais em conta, há uma possibilidade de negociação, feito isso, parcele de uma maneira que até a viagem suas férias estejam pagas, ficando por vencer apenas o real gasto em seus dias de descanso, valendo sempre à dica: Não adianta poupar e parcelar, se o valor do desconto à vista é superior ao do rendimento da aplicação.

Outro ponto de observação são os gastos realizados durante a viagem, sabendo o destino, pesquise preços, valores, locais que pretende visitar e realize uma previsão do quanto deverá ter em mãos para “encarar” os dias, desta forma, faça a divisão por 12 e já comece à poupar a parcela mês à mês, desta forma, ao chegar o dia da viagem, estará com o valor já reservado e não passará por apuros desnecessários.

E por fim, curta esse momento único em família, parceria ou até mesmo sozinho, pois como disse um discípulo de Jesus “ Nunca verá um cortejo fúnebre, levando um caminhão de mudança consigo”, desta forma, poupe… mas viva dentro de suas possibilidades, pois como diz o tema da coluna “Seu Centavo de hoje aplicado, poderá ser seu milhão de amanhã”… #PartiuViajar2019.

Poupar é Arte, Gastar faz Parte!!! Abraço.

Sobre o autor

Wilians Soares Silva

Wilians Soares Silva (Wil) é especializado em Economia, com ênfase no jovem mas direcionado a todos os públicos, com um conceito rápido e direto para entendimento do leitor.

Casado, uma filha, morador de Cotia há mais de 30 anos e atualmente com residência em VGP. Formado em Gestão Financeira com diversos cursos e palestras nas Áreas de Gestão Administrativa e Economia pessoal e de bens.

Deixe um comentário