Agenda

Hora do Planeta 2019 na Granja Viana – 30/03

Escrito por Redação

Todos os anos, desde 2007, faz-se uma manifestação mundial de uma hora – a Hora do Planeta – a chamado da WWF (World Wide Fund for Nature) para que se atente à redução do uso de energia .

O Transition Granja Viana participa deste movimento há exatos nove anos, desde que verificou a eficácia desta ação.

O primeiro evento ocorreu em Sydney, na Austrália, e a partir daí, todos os anos, diversas cidades em todo o planeta desligam sua eletricidade por 60 minutos – o que equivale a cerca de 48 mil veículos a menos nas estradas por uma hora.

Em 2008, o movimento contou com a participação de 50 milhões de pessoas, de 400 cidades, em 35 países. Simultaneamente, apagaram-se as luzes de monumentos e ícones mundiais como Golden Gate, Coliseu, Opera House, Cristo Redentor e outros.

Em 2010, a Hora do Planeta aconteceu no dia 27 de março com a adesão de 125 países, mais de 3.400 cidades, 19 estados brasileiros, o correspondente a 73% dos estados do Brasil, 15 capitais (55%), 72 cidades (1%): 1 bilhão de pessoas participaram . Como se vê, esse número vem crescendo a cada ano.

Este ano, a ação coletiva organizada pelo TGV acontecerá no sábado, dia 30 de março das 8h às 10h da manhã, com uma caminhada pelas ruas do centrinho da Granja Viana, durante a qual será feita a coleta do lixo encontrado pelo caminho. A Energy está apoiando esta causa e neste dia haverá um alongamento para os participantes se prepararem para a caminhada às 8h em frente à Academia (Rua José Felix de Oliveira, 1133)

Venha participar !!!!

Serviço:

Caminhada no Dia do Planeta

Sábado 30 de março, das 8h às 10h

Concentração: Academia Energy Granja Viana

Rua José Félix de Oliveira, 1133 – Centrinho da Granja

Sobre o autor

Redação

O Jornal d'aqui digital é uma prestadora de serviços que atua com comunicação na região da Granja Viana, Cotia (SP). Nasceu originalmente em 1979 como mídia impressa e assim atuou durante 35 anos. O formato atual surgiu a partir de um movimento de amigos/leitores inconformados com o encerramento de suas publicações.

Deixe um comentário