Colunistas Geni Albuquerque Jardinagem

Jardinagem

Escrito por Geni Alburquerque

Toda vez que encontro um conceito, imediatamente passo a questioná-lo e não foi diferente quando me deparei com Jardinagem: Atividade profissional ou recreativa que tem o objetivo de embelezar determinados locais públicos ou privados pelo cultivo e manutenção de plantas.

Reescrevendo…

Imagine um lugar qualquer onde você mora, estuda, trabalha, passa ou atravessa todos os dias.

Mentalize as cores, formas, texturas, aromas e sabores que você aprecia crescendo nestes lugares e não deixe os sons de fora!

Conseguiu?

Ótimo, vamos começar o nosso jardim?

Não sabe por onde começar?

Nem ouse usar o argumento de que não entende do assunto, uma vez que, neste mundo fantástico em que vivemos associado à internet e redes sociais, dificilmente convencerá!

Morava em Sampa ou Osasco num “apertamento” e agora está perdido em meio a tanto espaço?

Melhor ainda, pois terá a oportunidade de construir um paraíso para chamar de “seu” à sua volta!

Quem tem a última palavra é sempre o jardineiro?

Imagine o poder de delegar as tarefas com a propriedade de conhecer os resultados.

Não tem espaço…

Tem certeza?

Muros, paredes sem janelas e telhados podem se transformar em cascatas floridas, assim como espaços impermeabilizados podem receber vasos e jardineiras, com flores, folhagens coloridas, PANCS (Plantas alimentícias não convencionais) e ervas dos mais variados tipos e adequados às mais variadas ocasiões gastronômicas.

A vista é horrorosa e ainda sem merecer, escuta a Raposo a ponto de saber o tipo do veículo que está trafegando ?

Ótimo argumento para desenvolver a sua própria e agradável paisagem!

Não tem tempo?

Ah! Compartilhe o tempo dedicado aos exercícios repetitivos em locais fechados com ar condicionado pela jardinagem.

Você não faz ideia do condicionamento físico que representa um tempo no jardim.

Você também pode complementar a meditação estática pela liberdade de se mexer ao ar livre em contato direto com a natureza, com o mesmo efeito,  e de plus, restabelecer a consciência das variações do clima e de todo o ambiente natural.

Terapeuticamente, a jardinagem também é indicada para combater todos os tipos de stress em uma atividade bem mais interessante além de agregar conhecimento.

E não menos importante, plantas não precisam de “babás”, apenas de sua contemplação e apenas entre nós, é gratificante acompanhar a evolução dos resultados de sua própria dedicação.

Ainda não fui capaz de convencer?

Bom, imagine-se numa cápsula de lata ou plástico com rodas parada numa redoma de asfalto e concreto, gostou?

Se gostou, é melhor permanecer ou voltar para seu local de origem porque por aqui vivemos em um local único, exclusivo para pessoas com horizontes abertos e para entender melhor este conceito, observe em um simples giro de 360°

Contudo, imagine chegar em casa, escola, trabalho ou ainda, passar e atravessar lugares em que você contribuiu para que se tornassem mais agradáveis, estimulando sentimentos altruístas pelo cuidado com outros seres vivos.

Jardinagem está longe de significar “trabalho árduo” e sobretudo, “alto custo”, muito pelo contrário, ela se revela como um meio original e diferente para resolver os mais complicados dilemas e problemas, oferecendo em troca cores, aromas, texturas, formas, sons e sabores, únicos.

Oba!

Agora sim, podemos começar o nosso jardim!

 

 

 

 

 

 

 

 

Sobre o autor

Geni Alburquerque

Autodidata multidisciplinar. Sócia-proprietária da Taúna e consultora em paisagismo ambiental e jardinagem.

Blog: qualidadedevidaejardim.blogspot.com.br

Facebook:
• https://www.facebook.com/qualidadedevidaejardim
• https://www.facebook.com/Paisagismo-e-jardinagem-por-Geni-Albuquerque-393059724187938

Deixe um comentário