Agenda

João Carlos Martins: 80 Anos de Música – de 16 de junho a 26 de setembro

mm
Escrito por Redação
Curadoria e direção artística de Jorge Takla

 A grande exposição João Carlos Martins: 80 Anos de Música vai além da simples biografia; é uma imersão sobre a música em sua vida, que vem desde o berço e o acompanha em todos os momentos, dos mais felizes aos mais difíceis, até hoje.

Com uma quantidade extraordinária de material, entre fotos e vídeos, além das infindáveis críticas, artigos e documentários produzidos sobre o artista – considerado um dos maiores pianistas do mundo no século 20 – a mostra, tem a música presente em todos os ambientes dos quase mil metros quadrados de espaço expositivo e celebra os 80 anos de vida e arte do artista através de um evento imersivo, lúdico, teatral e interativo – incluindo uma experiência holográfica inédita.

Dividido em duas fases, trafega entre o Pianista e o Maestro. Com o Pianista, podemos percorrer corredores musicais e pictóricos, numa viagem que nos leva de 1940 a 2003. Com o Maestro descobrimos a determinação de um homem que passou por 24 cirurgias e, ainda assim, optou pela vida e pela música. O público entenderá, também, como uma orquestra pode ser um instrumento de educação e inclusão social. “Uma história pouco conhecida no Brasil de João, o Maestro do Povo”, afirma Jorge Takla, curador e diretor artístico.

João Carlos Martins

Considerado um dos maiores intérpretes de Bach do século XX pela crítica internacional, do qual registrou a obra completa para teclado. Iniciou seus estudos de piano aos oito anos. Aos treze iniciou a sua carreira no Brasil e aos dezoito no exterior. Seus concertos no Carnegie Hall, sempre tiveram lotação esgotada. Suas gravações estiveram muitas vezes entre as mais vendidas. Abandonou definitivamente os palcos como pianista no ano de 2002 por problemas físicos. Após iniciar os seus estudos de regência, apresentou-se com sucesso em Londres, Paris e Bruxelas como regente convidado, imprimindo em suas interpretações a mesma dinâmica que o fez quando pianista. Atualmente, construiu uma sólida carreira com a sua Bachiana Filarmônica SESI-SP, a primeira orquestra brasileira a se apresentar em janeiro de 2007 no Carnegie Hall, feito repetido em 2008.

Jorge Takla

Diretor requintado, habilidoso em lidar com elencos numerosos, Takla tem 45 anos de carreira marcados por espetáculos de alta qualidade e refinamento. Encenou mais de 100 espetáculos de Ópera, Teatro e Teatro Musical, entre eles Don Quichotte, La Boheme, Madama Butterfly, My Fair Lady, Evita, Jesus Cristo Superstar, West Side Story, Vitor ou Vitória. Takla é Grande Oficial da Ordem do Ipiranga.

ENTRADA GRATUITA

RESERVA OBRIGATÓRIA

EVENTO COM CAPACIDADE REDUZIDA E PROTOCOLOS DE SEGURANÇA

SAIBA MAIS EM:  https://www.sesisp.org.br/evento

 

 

Sobre o autor

mm

Redação

O Jornal d'aqui digital é uma prestadora de serviços que atua com comunicação na região da Granja Viana, Cotia (SP). Nasceu originalmente em 1979 como mídia impressa e assim atuou durante 35 anos. O formato atual surgiu a partir de um movimento de amigos/leitores inconformados com o encerramento de suas publicações.

Deixe um comentário