Território

Carapicuíba assina convênio com Governo do Estado para construção de 220 moradias

Escrito por Redação

Carapicuíba e outras 13 cidades do Estado de São Paulo participam da nova etapa do programa habitacional Nossa Casa. O secretário Estadual de Habitação, Flávio Amary, assinou na terça-feira, 30, a autorização dos convênios. A reunião aconteceu por videoconferência com a participação dos prefeitos que assinaram o documento digitalmente.
A princípio, a iniciativa é de que empresas privadas construam 16 empreendimentos e que com isso viabilize 5.215 imóveis, sendo que metade destes seja destinada às famílias com renda de até três salários mínimos e o restante vendido a preço de mercado.

O prefeito Marcos Neves participou da videoconferência. “Assinamos o convênio para receber 220 moradias nos próximos dois anos através do programa Nossa Casa. Centenas de famílias poderão realizar o sonho da casa própria com financiamento a preços populares. É mais uma parceria entre Prefeitura e Governo do Estado. Grande conquista que vai levar mais dignidade e qualidade de vida para a população. Enquanto me recupero do coronavírus, sigo trabalhando de casa para garantir o melhor para Carapicuíba”, ressalta Neves.

Segundo o secretário de Estado da Habitação, Flávio Amary, a parceria do estado com o setor privado amplia as oportunidades para mais uma conquista da população. “Com investimentos da iniciativa privada, apoio dos municípios e articulação da Agência Casa Paulista, esse programa democratiza o acesso à moradia social a preços bem acessíveis, tornando ainda mais próximo o sonho da casa própria”, afirma.

Os imóveis poderão ser financiados pela Caixa Econômica, por meio do programa Minha Casa Minha Vida e utilizando o FGTS. De acordo com as informações da secretaria, as famílias de baixa renda receberão da Agência Casa Paulista subsídios de até R$ 40 mil.

Sobre o autor

Redação

O Jornal d'aqui digital é uma prestadora de serviços que atua com comunicação na região da Granja Viana, Cotia (SP). Nasceu originalmente em 1979 como mídia impressa e assim atuou durante 35 anos. O formato atual surgiu a partir de um movimento de amigos/leitores inconformados com o encerramento de suas publicações.

1 Comentário

  • Bom dia!
    Referente a habilitação, quando vai começar as inscrições com relação a essas 220 moradia em Carapicuiba, alguém pode me informar?

Deixe um comentário